UFRN: Sisu, cursos, vagas, como ingressar e muito mais

UFRN: Sisu, cursos, vagas, como ingressar e muito mais

O Portal Estratégia Vestibulares separou as principais informações sobre o processo seletivo via Sisu da UFRN, como calendário, vagas, cursos e oportunidades

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) é considerada uma das melhores instituições de Ensino Superior do Brasil. Quer saber mais sobre a instituição e como ingressar nos cursos de graduação? Com o Estratégia Vestibulares você tem acesso a todas as informações, cursos e simulados preparatórios, além de saber mais sobre a universidade.

Veja também:
+ Edital Enem 2023: datas, inscrições, provas
+ Como calcular a nota do Enem?
+ Local de prova do Enem 2023 está disponível; acesse seu Cartão de Confirmação

Inscreva-se em nossa newsletter🦉

Receba dicas de estudo gratuitas e saiba em primeira mão as novidades sobre o Enem, Sisu, Encceja, Fuvest e outros vestibulares!

Sobre a UFRN

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte, anteriormente nomeada Universidade do Rio Grande do Norte, foi fundada em 1958 e federalizada dois anos depois. Neste início, a instituição era formada por poucos centros universitários, mas foi se modificando para ampliar e contribuir para o desenvolvimento dos estudantes.

Atualmente, a universidade concentra-se em cinco campus e oferece 82 cursos de graduação. O curso de Música foi o único do País avaliado com cinco estrelas pelo Guia da Faculdade, tornando-se referência para os estudantes que buscam ingressar na área.

A instituição possui mais de 43 mil estudantes matriculados em cursos de graduação e pós-graduação. De acordo com o Times Higher Education World University Rankings 2023, a universidade ocupa a 13° posição entre as melhores instituições de Ensino Superior do Brasil.

Além disso, a universidade ocupa a segunda posição entre as instituições que mais oferecem vagas no Sisu. Na última edição, foram ofertadas 7136 vagas de ingresso pelo Sisu 2023.

Calendário Enem e Sisu

Enem 2024

  • Divulgação do edital
    10/05/2024 – acesse o edital
  • Período de solicitação de isenção e justificativa de ausência
    15 a 26/04/2024
  • Divulgação do resultado do pedido de isenção e da justificativa de ausência
    13/05/2024
  • Recurso da justificativa de ausência e permissão de isenção da taxa de inscrição
    13 a 17/05/2024
  • Resultados do recurso da justificativa de ausência e pedido de isenção da taxa de inscrição
    24/05/2024
  • Período de inscrições do Enem 2024
    27/5 a 14/6/2024
  • Pagamento da taxa de inscrição
    27/5 a 19/6/2024
  • Divulgação do local de prova do Enem 2024
    Ainda não foi divulgado
  • Provas Enem 2024
    03/11 e 10/11/2024
  • Divulgação do gabarito oficial
    20/11/2024
  • Divulgação do resultado
    13/01/2025

Sisu 2024

  • Divulgação do edital: 29/12/2023;
  • Período de inscrição: 22 a 25/01/2024;
  • Resultado da lista única: 30/01/2024;
  • Período para participar da lista de espera: 30/01 a 07/02/2024. 

Como ingressar na UFRN

Para ingressar na universidade, os candidatos podem escolher entre diversas formas de ingresso, como o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), vestibular, teste de habilidades específicas, transferência e outros. Para mais informações, os estudantes podem conferir o site da instituição destinado ao sistema.

Como funciona o Sisu?

O Sistema de Seleção Unificada, criado pelo Ministério da Educação (MEC), seleciona estudantes que buscam ingressar em instituições federais e estaduais de Ensino Superior. Para isso, o sistema reúne candidatos e instituições em uma única plataforma para auxiliar na escolha e identificação dos participantes.

Para se inscrever, o estudante deve ter em mãos o número de inscrição do Enem e a senha utilizada para acessar o sistema. Dessa forma, ao acessar o sistema, deve-se escolher a instituição e curso que deseja concorrer às vagas. Além disso, essa forma de ingresso exige que os estudantes tenham realizado a última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), e não tenham zerado a redação.

Vale ressaltar que o candidato deve se atentar aos prazos e atualizações nos sites das próprias universidades, e não há pagamento da taxa de inscrição. Ainda que a UFRN utilize somente a primeira edição anual do Sisu, o programa é aplicado duas vezes ao ano.

Os candidatos devem observar o site durante todo o período de inscrição, pois as notas de corte dos cursos costumam sofrer alterações conforme a demanda e escolha dos participantes. Após o encerramento das inscrições, é divulgada uma lista com os aprovados.

Na edição do Sisu 2022/2, o curso de Medicina da UFRN apresentou uma das maiores notas de corte da edição entre as instituições inscritas no programa, totalizando 910,94.

Quais são as modalidades de concorrência?

No Sisu, os candidatos podem escolher entre três modalidades para concorrer, sendo elas: vagas de ampla concorrência, vagas reservadas para a Lei de Cotas e vagas destinadas às ações afirmativas de cada instituição.

Assim, ao longo da chamada regular, os participantes que escolheram concorrer a uma determinada modalidade, estarão participando com os demais participantes que também optaram pelo mesmo. Assim, o próprio sistema selecionará os candidatos que obtiveram as melhores notas no Enem dentro daquela categoria.

Lei de Cotas Sisu

Em 2023 a Lei nº 12.711/2012 foi atualizada (Lei 14.723/23) e a partir desse ano os participantes que têm direito à reserva de vagas (cotas) concorrem primeiramente às vagas de ampla concorrência. A reserva de vagas só será usada caso o participante não atinja nota suficiente para conseguir uma vaga na modalidade. Os estudantes originários de comunidades quilombolas também estão incluídos na nova lei.

A Lei nº 12.711/2012 oferece 50% das vagas por curso e turno em todas as instituições federais de Ensino Superior a estudantes que cursaram o Ensino Médio em escolas públicas. Metade dessas vagas são destinadas a estudantes com renda familiar mensal de até 1,0 (anteriormente o valor era de 1,5) salário mínimo.

Além disso, é preciso que haja proporção de autodeclarados pretos, pardos e indígenas de acordo com a composição étnica do estado federativo da instituição de acordo com o último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Os candidatos que optarem por esta modalidade precisam estar atentos aos trâmites que envolvem a documentação comprobatória que é exigida de forma distinta por cada instituição de ensino.

+ Lei de Cotas: o que muda com a atualização?

Resultado e abertura das inscrições do Sisu

O período de inscrições do Sisu 2024 acontece entre os dias 22 a 25 de janeiro e a divulgação dos resultados do programa será no dia 30 do mesmo mês. Confira o edital do Sisu 2024, divulgado no dia 29 de janeiro de 2023.

Ações afirmativas UFRN

As modalidades de ação afirmativa da UFRN destina 50% das vagas a estudantes que realizaram o Ensino Médio em escolas da rede pública de ensino com renda familiar bruta igual ou inferior a um salário mínimo per capita e metade para estudantes de escolas públicas com renda familiar superior a um salário mínimo e meio.

Além disso, também considera-se o percentual mínimo, no Rio Grande do Norte é de 57,81, correspondente ao da soma de pretos, pardos e indígenas e pessoas com deficiência na população do Rio Grande do Norte, conforme o último censo demográfico da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Já das vagas destinadas à ampla concorrência, uma vaga anual por curso e turma é reservada a pessoas com deficiência.

Como é o Enem?

O Enem é um exame criado para dar oportunidade a estudantes que buscam ingressar em instituições de Ensino Superior. A prova do Enem é aplicada anualmente no fim do ano, e conta com 180 questões feitas em dois dias consecutivos. No primeiro dia, os candidatos respondem 90 questões de múltipla escolha de Ciências Humanas e Linguagens e Códigos. Já no segundo dia, são apresentadas 90 questões de Ciências da Natureza e Matemática.

Locais de prova

Os locais de prova para realizar o Enem são divulgados a pouco menos de um mês para o dia da prova. Em 2022, os locais de prova foram divulgados no dia 24 de outubro. Saiba como acessar:

  • Acesse a Página do Participante do Enem;
  • Clique em “Página do Participante – Acessar com Gov.Br”;
  • Faça o seu login com a sua conta do Gov.Br, o site de acesso único do governo federal;
  • Clique em “Local de prova”; e
  • Com isso, um personagem interativo da Página do Participante lhe enviará um botão escrito “Local de Prova”, clique nele e tenha acesso ao Cartão de Confirmação com os seus dados pessoais e o local em que você fará o Enem.

No cartão de confirmação dos candidatos, é possível conferir mais informações do exame, como número de inscrição, local de prova (endereço, número e sala), datas e horários da prova, opção de língua estrangeira escolhida e atendimentos específicos, caso tenham sido solicitados.

Destaca-se que não é obrigatório levar o cartão de confirmação nos dias de aplicação das provas, mas o documento contém as principais informações do exame de forma acessível a todos. Não é possível mudar o local de prova e demais informações cadastrais.

O que levar no dia da prova?

De acordo com o edital do Enem 2022, foi necessário levar caneta esferográfica de tinta preta em material transparente, documento oficial com foto e máscara de proteção contra a Covid-19, caso a cidade ou o estado de realização das provas ainda exijam.

Como funciona a prova do Enem

A prova do Enem possui 180 questões, aplicadas em dois domingos consecutivos. No primeiro dia de prova, os candidatos têm 5 horas e 30 minutos para realização de provas, com início às 13h30 e término às 19h. Já no segundo dia, os candidatos têm 5 horas para responder às questões, iniciada às 13h30 e terminando às 18h30.

O primeiro dia de prova conta com 90 questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, e Ciências Humanas e suas Tecnologias, e uma redação. Já no segundo dia, a prova é composta de questões que cobram dos candidatos conhecimentos em Ciências da Natureza e suas Tecnologias; e Matemática e suas Tecnologias.

Como é calculada a nota do Enem?

O exame apresenta um modelo de correção calculado de forma diferente e mais complexa que os demais vestibulares, ao não considerar somente a quantidade de erros e acerto, chamado Teoria de Resposta ao Item (TRI).

Dessa forma, cada área de conhecimento é avaliada de acordo com uma média obtida a partir da dificuldade das questões e do número de acertos do candidato. Para saber mais, acesse nosso artigo sobre o assunto: “TRI: Como funciona a nota no Enem?”.

Como será o novo Enem

A partir de 2024, o Enem mudará seu formato, para se adequar a reformulação do Ensino Médio. Após isso, o exame será dividido em duas etapas, sendo a primeira voltada aos conhecimentos gerais, de acordo com a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), e a segunda considerando os Itinerários Formativos do Novo Ensino Médio.

Vale destacar que a primeira etapa é interdisciplinar e obrigatória, e a segunda os estudantes devem escolher as disciplinas das provas conforme o Itinerário Formativo realizado ao longo do Ensino Médio. 

Saiba mais: Novo Enem: veja o que muda no Enem a partir de 2024.

Como funciona a redação do Enem

A redação do Enem segue o modelo dissertativo-argumentativo, em que o candidato deve apresentar um ponto de vista por meio de argumentos e propostas de intervenção. Os participantes devem escrever uma introdução, contextualização e conclusão.

Os estudantes devem se atentar ao tema proposto e observar os textos de apoio disponibilizado para orientá-los. Além disso, há algumas regras, como o limite de até 30 linhas, escrita à mão, letra legível e respeitar os direitos humanos, que devem ser observadas com atenção.

Como a redação é avaliada pela banca?

A redação do Enem é avaliada por meio de cinco competências, tornando a avaliação padronizada para todos os concorrentes. Confira quais são as competências

  • Domínio da escrita formal da Língua Portuguesa;
  • Compreensão do tema e adequação à proposta;
  • Organização das ideias;
  • Coesão e coerência; e
  • Proposta de intervenção.

Veja os últimos temas de redação do Enem

Matriz de Referência Enem

A Matriz de Referência do Enem é semelhante ao Conteúdo Programático apresentado aos participantes para estudar para as provas. Neste documento, os candidatos encontram os conteúdos que podem ser cobrados na prova de cada área de conhecimento.

Esses eixos cognitivos são referentes a todas as disciplinas cobradas e incluem cinco pontos, sendo eles: dominar linguagens, compreender fenômenos, enfrentar situações-problema, construir argumentação e elaborar propostas. A seguir, confira as descrições de cada uma delas:

  • Dominar linguagens (DL): dominar a norma culta da Língua Portuguesa e fazer uso das linguagens matemática, artística e científica e das línguas espanhola e inglesa;
  • Compreender fenômenos (CF): construir e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para a compreensão de fenômenos naturais, de processos histórico-geográficos, da produção tecnológica e das manifestações artísticas;
  • Enfrentar situações-problema (SP): selecionar, organizar, relacionar, interpretar dados e informações representados de diferentes formas, para tomar decisões e enfrentar situações-problema;
  • Construir argumentação (CA): relacionar informações, representadas em diferentes formas, e conhecimentos disponíveis em situações concretas, para construir argumentação consistente;
  • Elaborar propostas (EP): recorrer aos conhecimentos desenvolvidos na escola para elaboração de propostas de intervenção solidária na realidade, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 

Provas de Habilidade Específicas UFRN

A universidade utiliza o Sisu para todos os cursos ofertados, exceto aqueles que exigem uma prova de habilidades específicas para ingressar nos cursos de graduação, como Dança, Música e Teatro.

Como se matricular na UFRN

Ao ser convocado para ingressar em uma instituição pelo Sisu, o candidato deve realizar a pré-matrícula on-line no site da instituição conforme as datas e horários determinados no site da instituição.

Notas de Corte da UFRN

Confira as notas de corte dos 15 cursos mais concorridos da UFRN no Sisu 2022:

  • Medicina: 910,94
  • Direito: 821,89
  • Psicologia: 777,04
  • Enfermagem: 771,42
  • Fisioterapia: 751,12
  • Sistemas de Informação: 740,96
  • Engenharia da Computação: 732,47
  • Nutrição: 731,68
  • Engenharia Biomédica: 730,89
  • Odontologia: 724,84

Cursos da UFRN

Confira a lista completa de cursos de graduação oferecidos pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte:

  • Administração
  • Administração Pública
  • Agronomia
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Arquitetura e Urbanismo
  • Artes Visuais
  • Ciências e Tecnologia
  • Bacharelado Interdisciplinar em Humanidades
  • Biblioteconomia
  • Biomedicina
  • Ciência da Computação
  • Ciências Atuariais
  • Ciências Biológicas
  • Ciências Contábeis
  • Ciências da Computação
  • Ciências e Tecnologia
  • Ciências Econômicas
  • Ciências Sociais
  • Comunicação Social
  • Comunicação Social – Audiovisual
  • Comunicação Social – Publicidade e Propaganda
  • Dança
  • Design
  • Direito
  • Ecologia
  • Educação Artística
  • Educação Física
  • Enfermagem
  • Engenharia Ambiental
  • Engenharia Biomédica
  • Engenharia Civil
  • Engenharia de Alimentos
  • Engenharia de Aquicultura
  • Engenharia da Computação
  • Engenharia de Materiais
  • Engenharia de Petróleo
  • Engenharia de Produção
  • Engenharia de Software
  • Engenharia de Telecomunicações
  • Engenharia Elétrica
  • Engenharia Florestal
  • Engenharia Mecânica
  • Engenharia Mecatrônica
  • Engenharia Química
  • Engenharia Têxtil
  • Estatística
  • Farmácia
  • Filosofia
  • Física
  • Fisioterapia
  • Fonoaudiologia
  • Geofísica
  • Geografia
  • Geologia
  • Gestão de Cooperativas
  • Gestão de Políticas Públicas
  • Gestão em Sistemas e Serviços de Saúde
  • Gestão Hospitalar
  • História
  • Letras
  • Letras – Francês
  • Letras – Língua Espanhola
  • Letras – Língua Portuguesa
  • Letras – Língua Portuguesa e Libras
  • Letras – Português e Inglês
  • Licenciatura em Ciências Sociais
  • Matemática
  • Medicina
  • Meteorologia
  • Música
  • Nutrição
  • Odontologia
  • Pedagogia
  • Psicologia
  • Química
  • Química do Petróleo
  • Serviço Social
  • Sistemas de Informação
  • Teatro
  • Tecnologia da Informação
  • Turismo
  • Zootecnia

Campi e estrutura UFRN

A UFRN possui cinco campis distribuídos em diferentes municípios no estado do Rio Grande do Norte, sendo eles: Central, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz. Veja abaixo mais detalhes sobre as estruturas da instituição.

Central

O campus universitário Central da instituição está localizado na cidade de Natal e possui mais centros de ensino do que as demais unidades. O local conta com salas de aula, laboratórios, biblioteca, restaurante, livrarias, galerias de arte, agências dos correios e bancas. 

Caicó

Localizado a 279 km de Natal, o campus da cidade de Caicó possui o Centro de Ensino Superior do Seridó (CERES) com os cursos de Ciências Contábeis, Direito, Geografia, História, Medicina, Pedagogia e Sistemas de Informação.

Currais Novos

A unidade da cidade de Currais Novos está a 193 km da cidade de Natal, sendo composta pela Faculdade de Engenharia, Letras e Ciências Sociais do Seridó (FELCS). O local conta com os cursos de graduação em Administração, Engenharia de Produção, Letras e Turismo.

Macaíba

A apenas 28 km de Natal, o campus da cidade de Macaíba possui a Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ) e os cursos de Agronomia, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia Florestal e Zootecnia.

Santa Cruz

No campus da cidade de Santa Cruz, situado a 129 km de distância de Natal, concentra-se a Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi (FACISA). Nesta unidade estão os cursos de Enfermagem, Fisioterapia, Nutrição e Psicologia.

Oportunidades da UFRN

Como citado anteriormente, os campis da UFRN apresentam diversos cursos, com laboratórios, salas de aulas, hospitais e parque poliesportivo, que agregam no aprendizado e formação acadêmica dos estudantes. 

Auxílios e permanência estudantil

A universidade oferece diversas formas de auxílio para contribuir com as atividades e promover um melhor desenvolvimento dos estudantes durante os estudos e permanência na instituição. Confira quais são:

  • Assistência Médico e Odontológico: destinado a alunos residentes e aos alunos considerados prioritários, ou seja, aqueles que possuem baixa renda familiar;
  • Auxílio Alimentação: designado suprir necessidades alimentares dos estudantes de graduação em condição de vulnerabilidade socioeconômica;
  • Auxílio Creche: busca atender aos estudantes dos cursos de graduação presenciais da UFRN, em primeira graduação, que necessitem de subsídio para custear despesas referentes à manutenção da creche e/ ou similar para seus filhos, ou menores, de zero a seis anos incompletos, que estejam legalmente sob sua guarda.
  • Auxílio Óculos: oferece para estudantes em primeira graduação que apresentam situação de vulnerabilidade socioeconômica subsídio nas despesas para aquisição de óculos com lentes corretivas, respeitando-se a periodicidade mínima de 12 (doze) meses para cada solicitação, contribuindo para sua permanência e conclusão da Educação Superior através de recurso financeiro no valor de até R$ 200,00;
  • Auxílio Moradia: para estudantes que não tenham sido contemplados com vaga na residência universitária, mas que atendem aos critérios para receber o benefício;
  • Auxílio Transporte: fornecimento de passagens ou seu equivalente em moeda corrente para assegurar a frequência do estudante em vulnerabilidade socioeconômica às atividades curriculares;
  • Auxílio Residência: assegura moradia, por meio de concessão de vaga em uma das residências universitárias; e
  • Bolsa Atleta: apoiar os estudantes que frequentam treinamento esportivo regular e que participam das seleções esportivas.

Baixe grátis o e-book sobre permanência estudantil

O e-book “Passei na Federal! E agora?” é um guia completo que reúne todas as políticas de permanência estudantil oferecidas por cada uma das universidades federais brasileiras. A equipe do Estratégia Vestibulares separou as informações por região e você ainda pode clicar para consultar a página do órgão que cuida dos programas de permanência em cada instituição.

Além disso, você terá breves explicações sobre alguns tipos de assistência, como auxílio transporte, auxílio financeiro, auxílio material didático, moradia e restaurante universitário e é possível saber quais os requisitos são exigidos para ser um beneficiário de uma política de permanência estudantil e como concorrer às que estão disponíveis na universidade que você deseja ingressar.

Clique no banner abaixo e faça o download gratuito do e-book “Passei na Federal! E agora?”.

Confira os cursos Enem do Estratégia Vestibulares

O Estratégia Vestibulares oferece cursos e simulados preparatórios para o Enem desenvolvidos de forma exclusiva e voltada para a banca do exame. Acesse abaixo e saiba mais sobre nossos benefícios para te ajudar a ingressar na universidade dos seus sonhos!

EV - CTA - Turma do Meio do Ano - Ultimo Lote 2024

Veja também:

Você pode gostar também