9 citações sobre mudanças climáticas para usar na redação
Foto: ativista Greta Thunberg em discurso

9 citações sobre mudanças climáticas para usar na redação

Em alta no debate público, as mudanças climáticas são pautas de diversos setores: veja as frases de políticos, celebridades e cientistas sobre o tema

As mudanças climáticas são efeitos do aquecimento global que já podem ser observadas em todas as partes do mundo. De acordo com um estudo climático da Organização Meteorológica Mundial (OMM), os anos entre 2022 e 2026 devem ser os mais quentes até agora. Pensando na relevância e na atualidade do tema, o Portal Estratégia Vestibulares listou 9 citações sobre mudanças climáticas para você usar na redação. Confira:

Inscreva-se em nossa newsletter🦉

Receba dicas de estudo gratuitas e saiba em primeira mão as novidades sobre o Enem, Sisu, Encceja, Fuvest e outros vestibulares!

Navegue pelo conteúdo

1-  “Estamos perdendo a corrida para as mudanças climáticas. Esse é o desafio de nossa geração: ganhar a batalha contra o tempo.” — Emmanuel Macron

Emmanuel Jean-Michel Frédéric Macron (1977) é o atual presidente da França, além de ser formado em Filosofia e Administração e mestre em Políticas Públicas. A frase Macron foi dita durante A Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima de 2021 (COP 26).

No evento, que aconteceu na Escócia, reuniu líderes de quase 200 países , os quais discutiram a necessidade de uma rápida redução nas emissões de carbono e assinaram o compromisso internacional que tem como intenção chegar ao objetivo de 45% de redução até 2030 e neutralizar globalmente as emissões até 2050.

+ Mudanças climáticas: conheça os efeitos do aquecimento global no Brasil

2- “A mudança climática é real, está acontecendo agora mesmo. É a ameaça mais urgente que a nossa espécie precisa enfrentar. Precisamos trabalhar juntos e deixar de procrastinar.” — Leonardo DiCaprio

Conhecido mundialmente por seu trabalho como ator, Leonardo DiCaprio (1974) é uma das principais vozes de Hollywood sobre as mudanças climáticas, desde 1998. Em 2010, o ator criou uma fundação que leva seu nome, e até 2021 havia arrecadado 80 milhões de dólares para financiar mais de 200 projetos de combate às mudanças climáticas em 50 países.

Em 2014, DiCaprio foi nomeado pela Organização das Nações Unidas (ONU) como Mensageiro da Paz da ONU para o Clima. O ator também é conhecido por participar de protestos para alertar sobre os riscos das mudanças climáticas. A frase citada foi dita durante a cerimônia de premiação do Oscar de 2016, na qual ele foi premiado como “Melhor Ator” pela primeira vez. 

+ Chuvas no Brasil em 2022: tudo o que você precisa saber e como cai no vestibular

3- “Nossa civilização está sendo sacrificada pelo interesse de um pequeno grupo de pessoas em continuar recebendo enormes quantias de dinheiro.” — Greta Thunberg 

Greta Tintin Eleonora Ernman Thunberg (2003) é uma estudante e ativista sueca que ganhou relevância por incentivar protestos que chamavam a atenção para as mudanças climáticas entre os jovens. Greta mudou seu estilo de vida desde que tomou conhecimento sobre o aquecimento global, tornando-se vegana e deixando de se locomover de avião, por exemplo.

Em 2018, a ativista passou a faltar nas aulas todas as sextas-feiras para protestar em frente ao parlamento suéco, pedindo providências efetivas a respeito das mudanças climáticas. Suas manifestações, intituladas “Skolstrejk för klimatet“, podem ser traduzidas como “Greve escolar pelo clima”. Sua atuação ainda a levaram a participar e discursar em grandes eventos sobre o tema, como Cúpula do Clima da ONU, COP25 e Parlamento Europeu.

+ Poluição Atmosférica: o que é, causas, poluentes

4-  “As alterações climáticas são a maior ameaça à nossa existência nesta que é a curta história do nosso planeta, ninguém vai conseguir fugir das suas consequências.” — Mark Ruffalo

O Vingador mais engajado em frear as mudanças climáticas, Mark Alan Ruffalo (1967), que interpreta o personagem Bruce Banner/Hulk na série de filmes da Marvel, é um ativista engajado em amenizar as causas do aquecimento global. Mark já fez campanha contra a exploração de gás e o uso de agrotóxicos em seu país, além de participar de passeatas como a People’s Climate March.

O ator também é adepto do movimento que pede o fim dos investimentos em combustíveis fósseis. “E é um compromisso que estou firmando aqui hoje com vocês. Peço a todos os meus amigos que se engajem. Pedirei ao Leo [DiCaprio], pedirei a todos Os Vingadores, pedirei ao Robert [Downey Jr], vou propor o desafio do ‘faça o que você prega’. E será: desista e invista.”, disse Ruffalo em entrevista à Vice, em 2014.

+ 9 documentários sobre mudanças climáticas para usar como repertório sociocultural na redação

5- “As alterações climáticas não são ficção científica. Esta é uma batalha no mundo real tem impacto em nós neste momento.” — Arnold Schwarzenegger

O ator e ex-fisiculturista Arnold Alois Schwarzenegger (1947) tornou-se um defensor do uso de energias renováveis e do combate à poluição durante seus mandatos como governador do estado da Califórnia, de 2003 a 2011. 

Há seis anos, Schwarzenegger organiza a “Cúpula Mundial Austríaca”, que na edição 2021 contou com a participação de nomes como Greta Thunberg, do presidente da Áustria e ambientalista Alexander Van der Bellen e Alok Sharma, presidente da Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática.

+ 11 documentários e filmes sobre meio ambiente para usar na redação e como repertório

6-  “Chega de maltratar a biodiversidade. Chega de nos matarmos com o carbono. Chega de tratar a natureza como lixo. Basta de queimar, perfurar e minar cada vez em maior profundidade. Estamos cavando nossa própria cova. ” — António Guterres

A frase foi dita por António Manuel de Oliveira Guterres (1949) , ex-primeiro-ministro de Portugal, e secretário-geral da ONU desde 2017, durante a COP26. 

Em relatório divulgado no último mês de abril, o Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) revelou que as emissões nocivas de carbono de 2010-2019 foram as mais altas na história da humanidade. No evento, Guterres afirmou “não é ficção ou exagero. É o que a ciência nos diz que resultará de nossas atuais políticas energéticas. Estamos no caminho para o aquecimento global de mais que o dobro do limite de 1,5 grau Celsius que foi acordado em Paris em 2015″.

7- “Juntas, a crescente urbanização e as mudanças climáticas criam riscos complexos, especialmente para aquelas cidades que já enfrentam crescimento urbano mal planejado, altos níveis de pobreza e desemprego e falta de serviços básicos.” — Debra Roberts

Debra Roberts é uma climatologista que trabalha para o governo de seu país, a África do Sul, como chefe da Unidade de Iniciativas de Cidades Sustentáveis ​​e Resilientes em Durban. Além disso, a cientista é uma das seis co-presidentes do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC).

Roberts foi a principal autora do Capítulo 8 (Áreas Urbanas) do Grupo de Trabalho II do Quinto Relatório de Avaliação do IPCC e foi eleita co-presidente do Grupo de Trabalho II para o sexto ciclo de avaliação do IPCC em 2015. Também foi a principal autora do Relatório Especial do IPCC sobre o Aquecimento Global de 1,5°C.

+ Tema de redação UFRGS: “Mudanças Climáticas e Diretos Humanos”

8- “A solução para a crise climática não será alcançada com mercados globais de carbono e mais capitalismo ‘verde’.” — Luis Arce

A oitava citação é do discurso do presidente da Bolívia, Luis Arce (1963) na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática, ou COP26, em 2021. Na ocasião, o líder sulamericano denunciou que “os países desenvolvidos estão promovendo um novo processo de recolonização mundial que podemos chamar de ‘novo colonialismo do carbono’”’.

Para Arce, os países desenvolvidos tentam impor regras nas negociações climáticas globais para manter um sistema capitalista “verde”, fazendo com que as nações em desenvolvimento não tenham opções a não ser aceitar.

+ 7 citações sobre meio ambiente para usar na redação

9- “A evidência científica é inequívoca: as mudanças climáticas são uma ameaça ao bem estar do ser humano e à saúde do planeta. Qualquer outro atraso em uma ação climática conjunta provocará uma perda na breve e rápida janela aberta para garantir um futuro habitável.” — Hans-Otto Pörtner

Médico fisiologista e biólogo marinho alemão, Hans-Otto Pörtner é co-presidente Grupo de Trabalho II do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), no qual foi autor principal do Capítulo 6 (Sistemas Oceânicos), para o Quinto Relatório de Avaliação do órgão.

Sob sua co-liderança, o Grupo de Trabalho II publicou o Relatório Especial do IPCC sobre o Oceano e a Criosfera em um Clima em Mudança (SROCC) em 2019 e contribuiu para os Relatórios Especiais sobre “Mudanças Climáticas e Terra” e “Aquecimento Global de 1,5°C”.

Prepare-se para a redação com o Estratégia Vestibulares

Você sabia que o Estratégia Vestibulares oferece correções ilimitadas de redações? Você estuda com nosso material e treina quantas vezes quiser, sempre recebendo o feedback sobre suas produções. Não é incrível?

Com os cursos da Coruja você se prepara para o vestibular com um material completo e atualizado, aulas dinâmicas e funcionais, além de contar com Banco de Questões, revisões de véspera, salas VIP, monitorias e muito mais.

Cursos de Redação Estratégia Vestibulares

Veja outras citações para usar na redação

Você pode gostar também
Leia mais

Como começar uma redação?

O Estratégia Vestibulares preparou este artigo para te ajudar construir o início da redação de maneira clara, objetiva e assertiva